Número total de visualizações de página

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Sinto


Sinto-me a perder o controle do rumo da minha vida. Sinto o caos no ar, a pairar sobre a minha cabeça. Antecipo despedidas, perdas e novas angústias. Sinto medo, aquele que não nos permite ver mais além, mais nada, nenhuma luz ao fundo do túnel.
E sinto-me a fazer o papel da desgraçadinha que odeio profundamente.
Mas sinto.

Este blog está a ficar impróprio para consumo. Eu entendo.